Portal do Aluno / Portal do professor / Rh On-Line WebMail Fafit Biblioteca On-Line

Professor On-Line

Página principal | Fafit News | Geral

18/11/2006 - 23:04

Saiba a origem do Dia da Consciência Negra

Por Cintia Kappke Medeiros Machado

Na segunda-feira, dia 20, as Faculdades Integradas de Itararé darão uma pausa nas suas atividades. Nesse dia, será comemorado o Dia Nacional da Consciência Negra. Esse feriado escolar foi criado pela lei 10.639, de 9 de janeiro de 2003. O objetivo é valorizar a contribuição do povo negro ao Brasil e promover a reflexão sobre sua situação.

 

O Dia da Consciência Negra não cai em 20 de novembro por acaso. Nessa data, em 1695, morreu Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares. Isso aconteceu em Pernambuco, quando ele liderava uma resistência que culminou com o início da destruição do quilombo.

 

Além da colaboração dos negros na construção do Brasil, o Dia da Consciência Negra remete ao problema do racismo. Por causa dele, criou-se ao longo da história um cenário de desigualdades sociais e econômicas entre brancos, negros e pardos. Prova disso são os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Enquanto cerca de 60 por cento dos brancos empregados têm carteira de trabalho assinada, apenas 39,8 por cento de pardos e negros são registrados. O motivo principal, segundo o instituto, é a baixa escolaridade.                                                                                     Incentivo A inclusão de negros e pardos na sociedade é uma luta apoiada pelas Faculdades Integradas de Itararé. A instituição incentiva o projeto da acadêmica do 2º ano B de Direito, Francyne Laurindo Rastelli, voltado à promoção do acesso da população carente negra ao ensino superior.

O projeto é intitulado “Política de Cotas: Um Apartheid Moderno?”. Ele inclui palestras para adolescentes atendidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRA) e outras entidades. Nessas oportunidades a aluna incentiva a população negra a exercer seus direitos de cidadania, sobretudo o de educação. Recentemente, as Faculdades Integradas de Itararé abriram espaço para um debate sobre o tema, envolvendo professores e um promotor de justiça. Na ocasião foi discutida a possibilidade de serem obrigatórias as cotas para negros em universidades e no mercado de trabalho.

Qual sua opnião? Clique aqui e deixe seu comentário.

Todos os comentários aqui inseridos, serão primeiramente analizados para depois serem exibidos na página!



Comentários


Nenhum comentário até agora.


Faculdades Integradas de Itararé - Fafit

Sociedade Itarareense de Ensino

Rua: João Batista Veiga, 1725 - CEP: 18460-000 - Itararé(SP)

Tel.: (0xx15) 3531-8484 Fax:(0xx15) 3531-8484

Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI)